terça-feira, 22 de março de 2011

Andar de táxi fica mais caro em Maceió; reajuste é de 11,5%

A partir de agora quem andar de táxi em Maceió pagará mais caro pelo valor do quilômetro rodado. O reajuste de 11,5% foi autorizado pela Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT). A bandeirada vai passar de R$ 3,00 para R$ 3,35.

Os usuários de táxi apenas deverão começar a sentir o aumento em alguns dias, uma vez que os taxistas só poderão cobrar o novo valor após aferição dos taxímetros, realizada pelo Instituto Nacional de Metrologia, Normatização e Qualidade Industrial (Inmeq). O órgão deverá apresentar um calendário para que os profissionais realizem a aferição.

De acordo com o superintendente de Transporte e Trânsito, José Pinto de Luna, a nova tarifa atende ao pleito dos taxistas. O último reajuste – ainda segundo a SMTT – teria ocorrido há dois anos e a categoria alega que neste período alguns itens pertinentes à manutenção de um veículo tiveram aumento superior a 20%, a exemplo do GNV, pneus, óleo lubrificante e peças de reposição.

Com as novas tarifas, o valor da bandeirada passa de R$ 3,00 para 3,35. A portaria que determina o reajuste, publicada no Diário Oficial do Município do último sábado, 19, define ainda o aumento de R$ 1,65 para R$ 1,84 o valor do quilômetro percorrido em Bandeira 1; de R$ 1,98 para R$ 2,21 o quilômetro percorrido na Bandeira 2; e de R$ 9,50 para R$ 11,05 o valor da hora parada.

A SMTT informou que mesmo com o reajuste, a tarifa em Maceió não ultrapassa o valor cobrado em outras capitais do Nordeste, como, Aracaju (R$ 3,50), João Pessoa (R$ 4,00), Recife (R$ 3,50), Natal (R$ 3,88) e Salvador (R$ 3,45).

13h38, 21 de Março de 2011

Flávia Durte

Sionelly Leite/Alagoas24horas

Fonte:com ascom SMTT
.