domingo, 26 de fevereiro de 2012

TAXISTAS SERÃO MONITORADOS




Sistema vai permitir comunicação dos motoristas com o centro integrado de operações (CIODS)

Representantes do Sindicato dos Taxistas de Maceió-SINTAXI-AL estiveram na Secretaria de Defesa Social SDS para conhecer o funcionamento do sistema de monitoramento que possibilitara aos taxistas contato direto com o Centro Integrado de Operações da Defesa social-CIODS.

A operacionalidade já seria testada, mas um problema técnico do Instituto de Tecnologia em Informática e Informação de Alagoas-ITEC não permitiu que o sistema fosse experimentado – o que deve ocorrer apenas na próxima semana.

“O objetivo maior é a ampliação do policiamento, já que os taxistas estão espalhados em vários pontos da cidade. Além de garantir a segurança dele, ele poderá denunciar algum crime que tenha testemunhado”, explicou o Tenente-Coronel Marcos Sampaio.

De acordo com o novo sistema, o taxista informa a ocorrência ao operador do SINTAXI, que via internet, pelo servidor de aplicação no itec, comunicará ao CIODS, em seguida, o despachante de área recebe a ocorrência, aciona a viatura e passa o alerta geral.

Para o presidente do sintáxi, Ubiraci Correia de Lima, a medida deve diminuir os índices de violência contra a categoria. “No momento em que o taxista estiver em perigo ou testemunhar alguma ocorrência, ele informa um código e imediatamente é passado pelo CIODS.

É importante tanto para a segurança do taxista quanto para a do passageiro”, afirma. Segundo ele, os finais de semana são registrados 3 assaltos a taxistas, em media. Além disso, 8 assassinatos foram cometidos em 2011 e dois em 2012. “vale ressaltar que em alguns desses crimes não foi esclarecido se a morte teve a ver com a profissão ou algo pessoal”, destaca Correia.


Sindicato dos Taxistas esteve no Ciods para conhecer o funcionamento do sistema

IMPLANTAÇÃO

Inicialmente, 1.600 carros de todas as empresas de taxi terão o radio – mais da metade, tendo em vista uma frota de 3 mil carros. O taxista que não tiver esse rádio no seu veiculo, fala com a empresa que se encarregará de comunicar a Policia Militar. O sindicalista acredita que em quatro messes todas as empresas já estejam com o equipamento funcionando.

Após testar o funcionamento do sistema – que deve acontecer nos próximos dias – é que o convenio entre sintaxI e SDS será firmado.

Sabado, 25 de Fevereiro de 2012.

Alinne Mirelle.

Fonte:

O JORNAL