sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Taxistas de Maceió terão comunicação direta com a polícia através de rádio



Taxistas poderão comunicar ocorrências à polícia de forma rápida

Os taxistas de Maceió conheceram, na manhã desta sexta-feira (24), o sistema de monitoramento via rádio interligado ao Centro Integrado de Operações da Defesa Social (Ciods). O sistema permitirá a comunicação direta e rápida com a polícia e visa reduzir os índices de violência contra a categoria.

O Ciods informou que o Instituto de Tecnologia em Informática e Informação de Alagoas (Itec) está realizando testes com o software que fará a interligação entre os rádios da polícia e dos taxistas. Quando os testes forem concluídos, serão agendados os testes e treinamentos com os taxistas.

Segundo o Sindicato dos Taxistas (Sintaxi-AL), o sistema deve começar a operar dentro dos próximos 20 dias. A iniciativa faz parte do convênio firmado entre a Secretaria de Defesa Social e o Sintaxi para conter os crimes praticados contra taxistas.

A partir da implantação do sistema, os taxistas poderão fornecer informações que vão facilitar o trabalho da polícia. “O objetivo é fazer uma parceria de colaboração mútua. Os taxistas poderão informar à polícia, por exemplo, se encontrarem um veículo roubado circulando pelas ruas, além, claro, de poder avisar sobre qualquer problema que ocorra com eles”, explicou o coronel Edmilson.

“Esse sistema ajudará a diminuir os atos criminosos contra os taxistas, além de garantir mais segurança para esses profissionais”, comemorou Ubraci Correia, presidente do Sintaxi.

13:44 - 24/02/2012 Da Redação, com assessoria

Fonte:
.