sábado, 20 de fevereiro de 2016

TAXISTA É ASSASSINADO dentro do próprio veículo durante suposto assalto


Taxista foi assassinado dentro do carro quando trabalhava

Caso aconteceu na noite desta sexta-feira (19), no Distrito Industrial 

Um taxista foi assassinado na noite desta sexta-feira (19), no Distrito Industrial, na parte alta de Maceió. A polícia não soube informar as motivações do crime.

De acordo com o 4° Batalhão de Polícia Militar (4°BPM), o taxista, conhecido como "Gil do coco", foi morto a tiros e facadas dentro do próprio táxi, por bandidos. Militares que atenderam a ocorrência, a princípio desconfiaram de assalto, mas constataram que os pertences da vítima não foram levados.

Ainda de acordo com a Polícia, a vítima apresentava vários ferimentos pelo corpo, causados por arma de fogo e arma branca. "Ele tinha um ferimento bem grande na cabeça, causado por algum objeto cortante", disse um policial militar que atendeu a ocorrência.

Um colega de trabalho da vítima, que não quis se identificar, informou que o taxista fazia ponto num hotel na Praia de Ponta Verde. Ele foi informado por outro colega, que antes do crime, Gil saiu com algumas pessoas em direção ao bairro do Clima Bom, na parte alta de Maceió. Porém, não há detalhes sobre as características dos passageiros, ou se eles têm ligação com o crime.

Além da Polícia Militar, os Institutos Médico Legal (IML), e de Criminalística (IC), foram acionados para a realização dos procedimentos necessários. O taxista deixa duas filhas, uma de cinco anos, e outra de nove.

Por Eduardo Denisson e Ruana Padilha   

FOTO: CORTESIA À GAZETAWEB

19/02/2016 21h53 - Atualizada às 19/02/2016 22h46

Fonte:
.