quinta-feira, 5 de junho de 2014

Táxis de Maceió ganham biblioteca móvel em parceria com editora

Projeto Bibliotáxi permite que o passageiro leve um livro para casa.

Passageiros encontram dois exemplares dentro dos táxis.

Os passageiros cadastrados pela Easy Taxi encontram os livros atrás do banco.


Passageiros cadastrados encontram os livros em bolsões customizados (Foto: Paula Nunes/G1)

Além dos táxis com wi-fi, bebidas e vídeo-games, os taxistas de Maceió trouxeram mais uma novidade para os passageiros: uma biblioteca móvel. A chamada Bibliotáxi, que já funciona em outros estados do país, chegou à capital alagoana. É um projeto que transforma táxis cadastrados em um aplicativo de smartphone, que conecta o passageiro a leitura a partir das corridas que forem feitas.

A editora Saraiva cedeu cerca de 80 mil exemplares de livros para os taxistas que forem cadastrados no aplicativo Easy Taxi, onde os passageiros podem fazer os pedidos dos táxis pela internet.

O projeto Bibliotáxi funciona da seguinte forma, o passageiro que chamar um dos táxis por meio do aplicativo pode escolher um exemplar, levar consigo e, após a leitura, devolver o livro em uma nova corrida para que ele seja lido por outos passageiros. A biblioteca móvel fica em bolsões customizados do projeto, localizados no encosto do banco dianteiro do passageiro nos veículos.


O taxista Robert Wagner, 28, é totalmente adpeto ao aplicativo e diz que facilita o trabalho (Foto: Paula Nunes/G1)

No mês de maio, uma frota de cerca de 10 mil carros cadastrados no aplicativo começaram a circular por 25 cidades com os livros doados pela editora.

Um dos taxista da capital que aderiu ao projeto foi Robert Wagner, 28, que é cadastrado no aplicativo. "Com o aplicativo, tenho entre 10 a 15 chamadas por dia. Eu acho muito interessante, por não ter que ser vinculado a uma empresa de rádio. Também resolvi me integrar à nova era da internet", disse.

Wagner disse que o projeto Bibliotáxi é um atrativo a mais para os passageiros. "Muitos passageiros já se interessaram pelos livros, e até eu fiquei com vontade de ler os dois exemplares que a Easy Taxi me forneceu para colocar no meu carro”, afirmou o taxista.

Na relação de obras doadas estão lançamentos e best-sellers, além de títulos da Editora Saraiva e seu selo Benvirá. Nos táxis, o passageiro pode encontrar clássicos como "O Príncipe, de Maquiavel', a sucessos de vendas como "Comer, Rezar, Amar" e "O Caçador de Pipas".

Títulos de autoajuda  também estão à disposição dos passageiros: Aprendi com a minha mãe e também Nihonjin, de Oscar Nakasato, vencedor do prêmio Jabuti de 2012 na categoria melhor romance.

Além da editora Saraiva, a ação também tem livros de outras editoras parceiras: Casa da Palavra, Companhia das Letras, Editora Globo, Intrínseca, Leya, Melhoramentos, Nova Fronteira, Novo Conceito, Objetiva e Sextante.

As cidades contempladas com a doação da Saraiva ao projeto Bibliotaxi em circulação nos veículos que integram a frota da Easy Taxi são: Aracaju, Belém, Belo Horizonte, Brasília, Campinas, Campo Grande, Cuiabá, Curitiba, Florianópolis, Fortaleza, Goiânia, João Pessoa, Maceió, Manaus, Natal, Niterói, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador, Santos, São José dos Campos, São Luís, São Paulo e Vitória.

05/06/2014 11h40 - Atualizado em 05/06/2014 14h18

Do G1 AL

Fonte: