quinta-feira, 28 de julho de 2016

Taxista é assassinado a tiros na Levada em veículo que usava para trabalhar


Taxista foi assassinado dentro do veículo em que trabalhava

Crime aconteceu próximo ao terminal do Mercado; vítima foi chamada para corrida por um aplicativo 

Um taxista foi assassinado, na noite desta quarta-feira (27), no bairro da Levada, em Maceió. De acordo com informações do 1º Batalhão da Polícia Militar (BPM), o crime aconteceu próximo ao terminal do Mercado da Produção.

De acordo com o tenente Rodrigues, do 1º BPM,  a suspeita é que a vítima, identificada como Thiago Cirilo, tenha sido chamada para uma corrida por um aplicativo. "As informações que recebemos até o momento, são que ele foi trazido chamado em um aplicativo. Mas ainda não sabemos se foi assalto", informou.

 Os militares aguardam o Instituto de Criminalística (IC). "Só a Perícia poderá apontar se foi assalto", complementou o tenente Rodrigues. Colegas de trabalho acreditam que o autor do crime tenha tentado assaltar Thiago.

A polícia ainda não tem informações sobre autoria e motivação do homicídio. O Instituto Médico Legal (IML) também foi acionado. A Polícia Militar realizou rondas na região, mas ninguém foi preso até o momento.

Protesto

Taxistas fecharam as duas vias da avenida Fernandes Lima, no bairro do Farol, em protesto contra a morte do colega de trabalho, Thiago Cirilo.

O taxista Paulo Sérgio lamentou a morte do colega. Segundo ele, o protesto é para lembrar que os profissionais estão correndo risco. "Trabalhamos todos os dias e somos, constantemente, assaltados. Nessa semana foram cinco assaltados e hoje um assassinado. O Secretário de Segurança Pública não liga para a nossa classe e ficamos correndo todos os risco".

27/07/2016 22h10 - Atualizada às 27/07/2016 22h58

 Por Livia Leão e Ruana Padilha | Portal Gazetaweb.com   




 .