sábado, 27 de outubro de 2012

Guardas municipais se negam a deixar função na SMTT


Cerca de 200 guardas municipais que hoje atuam como agentes de trânsito da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT) estão sendo devolvidos ao órgão de origem até o começo de novembro. As vagas estão sendo ocupadas por agentes recém-nomeados, aprovados no último concurso público da Prefeitura de Maceió. A notícia do retorno à função original acabou provocando mal estar entre o órgão e os guardas municipais.

Segundo a SMTT, a devolução de todos os guardas municipais que haviam sido cedidos à SMTT é uma orientação do Ministério Público Estadual (MPE). "Não temos nada o que fazer. Cerca de 50 já foram devolvidos e os demais devem ser devolvidos até o início do próximo mês para que os concursados assumam”, informou o superintendente do órgão, Ranilson Campos.

Devido ao baixo efetivo da SMTT, 110 guardas municipais haviam sido cedidos ao órgão para atuar como agentes de trânsito. Mas, com a chegada dos novos servidores, a carência do órgão acabou e a permanência dos guardas tornou-se injustificável. O Ministério Público Estadual (MPE), então, recomendou a devolução do efetivo para o cargo de origem.

Os guardas municipais, por sua vez, discordam do órgão e alegam ter capacidade para atuar como agentes de trânsito. “Somos capacitados, fizemos cursos, tem gente que está neste trabalho há doze anos e agora eles vêm com essa decisão. Não achamos correto”, disse um guarda municipal que se identificou apenas como Edmilson.

Segundo o assessor especial da Guarda Municipal de Maceió, Fábio Sampaio, a insatisfação de alguns guardas pode ser explicada pelo fato de as funções da SMTT oferecerem mais vantagens do que os cargos de origem, como ticket alimentação. Contudo, eles não terão escolha e devem reforçar o efetivo da guarda nos próximos dias. “Eles são guardas municipais e devem atuar como tais, fizeram concurso para isso. Caso não aceitem voltar, ficará configurado o abandono de emprego e eles perderão seus cargos”, disse Sampaio.

14:00 - 27/10/2012

Da Redação

Fonte: