domingo, 23 de agosto de 2015

Aeroporto: município e Infraero discutem solução para táxis clandestinos


Atualmente, 62 táxis são autorizados a prestar serviços na área do aeroporto

Aeroporto Zumbi dos Palmares terá fiscalização de taxistas Aeroporto Zumbi dos Palmares terá fiscalização de taxistas

A secretária-adjunta municipal de Promoção ao Turismo, Jannyne Barbosa, se reuniu nessa quinta-feira (20), com o superintendente do aeroporto Zumbi dos Palmares, Adilson Pereira da Silva.Na oprtunidade, os gestores discutiram soluções integradas para a questão dos táxis clandestinos que têm atuado de forma irregular no aeroporto e, muitas vezes, assediando os turistas que desembarcam na cidade. Participaram da reunião representantes das duas cooperativas de táxi que têm permissão para atuar no Aeroporto e as Superintendências Municipais de Transporte e Trânsito de Maceió e Rio Largo.

Atualmente, 62 táxis são autorizados a prestar serviços na área do aeroporto. Outros taxistas que levam passageiros ao local não podem permanecer na área ou abordar turistas dentro do prédio. De acordo com Jannyne Barbosa, o objetivo da articulação entre as secretarias e a Infraero é criar um cronograma de fiscalização para garantir a regularidade do serviço. A curto prazo, a ideia é envolver o Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran) de Alagoas para coibir as irregularidades. Posteriormente, os órgãos de trânsito de Maceió e Rio Largo estão avaliando uma atuação em parceria para providenciar uma fiscalização contínua.


Representantes da Semptur, SMTT e Infraero reunidos para discutir prestação de serviços de táxis no aeroporto

Durante a reunião, também foram apresentadas algumas questões como o número restrito de táxis para atender a demanda no verão. A estimativa é de que dois milhões de passageiros tenham desembarcado na capital até o fim do ano. Segundo Jannyne, esse foi apenas um primeiro encontro entre os órgãos responsáveis, mas o plano é que os envolvidos continuem atuando para desenhar um plano de atuação antes da alta temporada, de modo que possam assegurar a prestação de um serviço regular, de qualidade e seguro aos turistas e moradores que utilizam o aeroporto.

21 Agosto de 2015 - 20:39

Foto: Assessoria

Fonte:
Assessoria

 .